image
Visão
Ser uma Instituição de Referência nos domínios educacional, social, ocupacional e residencial optimizando a promoção da Qualidade de Vida dos seus clientes.
Missão

Promover a integração na sociedade do cidadão com deficiência mental e/ou motora, no respeito pelos princípios de normalização, personalização, individualização e bem estar.
Valores

  • NORMALIZAÇÃO: Princípio que representa a base da integração. Não se trata de normalizar as pessoas, mas oferecer aos portadores de necessidades especiais, modos e condições de vida diária o mais semelhantes possível às formas e condições de vida do resto da sociedade.

  • PERSONALIZAÇÃO: O direito a igualdade para as pessoas com deficiência intelectual não se limita à equiparação de oportunidades, mas requerem também medidas apropriadas, acções afirmativas, adaptações ou apoios. Garantir a presença, a disponibilidade, o acesso e utilização de serviços adequados que sejam baseados nas necessidades pessoais.

  • INDIVIDUALIZAÇÃO: Todas as pessoas com deficiências intelectuais são cidadãos plenos, iguais perante a lei e como tais devem exercer seus direitos com base no respeito nas diferenças e nas suas escolhas e decisões individuais.

  • BEM ESTAR: Para as pessoas com deficiências intelectuais, assim como para as outras pessoas, o exercício do direito à saúde requer a inclusão social, uma vida com qualidade, acesso à educação inclusiva, acesso a um trabalho remunerado e equiparado, e acesso aos serviços integrados da comunidade.

  • CONFIDENCIALIDADE: Restringe o conhecimento de dados dos clientes às pessoas que deles necessitam para o exercício do conteúdo funcional do cargo.

  • RIGOR: Toma decisões com base em factos e executa tarefas e registos conforme definido nos procedimentos.

  • INTEGRIDADE: Respeita os deveres e os direitos de todas as partes interessadas e as regras organizacionais de conduta.

  • PRIVACIDADE: Respeita espaços e tempos afectos à fruição dos clientes.


  • Estratégia

    Consolidar a auto-sustentabilidade financeira da organização através dos processos de controlo de gestão, melhorando a utilização eficiente dos seus recursos e apostando na inovação e desenvolvimento.
    Garantir a qualidade e abrangência dos serviços prestados como contributo fundamental para a Qualidade de Vida da população-alvo, mantendo a sua orientação para o cliente e família garantindo a participação efectiva dos mesmos, através da capacitação dos recursos humanos (garantindo a estabilidade/satisfação das equipas, aumentando e diversificando o nível de qualificação dos colaboradores, clarificando níveis de actuação) e da modernização das suas infra-estruturas.
    Melhorar a sua eficácia e eficiência assegurando a melhoria contínua dos processos de trabalho e a orientação para os resultados.
    Reforçar o papel social da organização, promovendo boas práticas, a defesa de direitos e defesa de princípios éticos que contribuam para uma imagem positiva de si e do sector dos serviços sociais onde actua, em defesa da população com deficiência mental e/ou motora e suas famílias, contribuindo para uma sociedade mais aberta e inclusiva.